28 professores, 28 brasileiros, 28 amantes da língua portuguesa, 28 embaixadores da cultura brasileira nos EUA.

Este ano, o programa Fulbright Foreign Language Teacher Assistant conta com a participação de 421 professores vindos de 50 países: Japão, Argentina, Egito, Marrocos, Irlanda, Quênia, Afeganistão, Bélgica, Canadá, Nigéria, Uzbequistão, Coreia do Sul, Finlândia, Mongólia, França, Síria, Alemanha, Rússia, Uruguai, Brasil etc. Todos os anos, professores do mundo todo vêm para os Estados Unidos para ensinar suas línguas e compartilhar suas culturas. Eles estão espalhados pelos 50 estados dos EUA, em diversas universidades do país e não têm o intuito apenas de ensinar suas línguas, mas também, de trazer um (novo) olhar sobre os seus países. É um trabalho de formiguinha! Mas que, com certeza, faz toda a diferença no meio em que está presente.

No Brasil, o programa está crescendo cada vez mais. No início, éramos um grupo bem reduzido de bolsistas, mas, agora, já somos 28! Este ano, estamos na University of Notre Dame, Florida State University, Michigan State University, University of Arizona, Texas Tech University, University of Nebraska, University of Iowa, Drexel University, Baylor University, University of Texas, University of California, University of Utah, University of Miami, entre outras.

Antes do início do programa, os professores participam de um treinamento, uma oportunidade para discutir educação e, também, conhecer um pouco sobre a cultura americana de seus futuros alunos. Mais tarde, antes do início do segundo semestre, todos se encontram em Washington, DC para a Fulbright FLTA Mid-Year Conference. Uma experiência única para professores interessados em conhecer profissionais espalhados pelos quatro cantos do mundo, mas unidos pelo mesmo objetivo: educar!

Vindos de diversos estados do Brasil e direcionados para diversos estados dos EUA, os professores desempenham diferentes atividades de acordo com a necessidade da universidade e da região em que estão vivendo. Lecionam cursos de língua portuguesa, organizam bate-papos, coordenam laboratórios de línguas, promovem eventos nos clubes, fazem apresentações sobre o Brasil. E, assim, levam um pouquinho do Brasil para todas as partes dos Estados Unidos.

Após quase 9 meses participando do programa Fulbright FLTA, pude perceber que ensinar uma língua estrangeira vai além dos limites da sala de aula; ser professor de uma língua estrangeira é ser, também, um embaixador da sua cultura e de seu país, é enfraquecer antigos estereótipos e possibilitar que novas visões sejam criadas, é abrir os olhos de alunos para um mundo povoado por novas possibilidades.

Veja a lista completa dos países participantes: http://flta.fulbrightonline.org/thinking_participating_countries.html

Fulbright FLTA – Brasil
http://www.fulbright.org.br/content/view/107/154/

Saiba mais sobre o programa Fulbright FLTA
http://flta.fulbrightonline.org/about.html
http://www.iie.org/en/Programs/Fulbright-FLTA

Please reload

Featured Posts

Ruth Broad Elementary School, em Bay Harbor Islands, tem after school program em português – Nosso Idioma

September 24, 2015

1/6
Please reload

Recent Posts

December 30, 2015

December 17, 2015